“Escolinha dos Arautos” animou o público

31 de Outubro, 2021 0 Por A Voz de Esmoriz

Os Arautos Grupo D’Arte e Cultura apresentaram, na noite deste passado sábado, a peça “Escolinha dos Arautos”, uma encenação de natureza comediante inspirada nas épicas aulas do Tonecas. No entanto, é de realçar que, nesta peça concreta, o menino Tonecas (interpretado, desta feita, pelo actor convidado Manuel Marques) só apareceu no fim da mesma (depois de a aula acabar, visto que tinha faltado à sessão), de forma a contar um pouco a sua história de vida particularmente engraçada, coroando com êxito uma noite de teatro.

Mesmo com a ausência de Tonecas na sala de aula (como disséramos, só apareceria no término), a representação foi animada e original com a Professora a ter imensas dificuldades em ensinar os alunos que fintavam a matéria com as mais diversas respostas surreais ou hilariantes. “A Escolinha dos Arautos” arrancou bastantes gargalhadas na plateia (mais de meia-casa registada no auditório da Junta de Freguesia de Esmoriz), motivando imediatamente a boa disposição. O cenário inerente à sala de aula estava muito bem montado (com mesas, cadeiras, lápis, compassos, cadernos, quadro, mapas…), e efectivamente, os jovens alunos não hesitavam em replicar anedoticamente às questões elaboradas pela professora que aflorava sucessivamente as mais diversas temáticas: inglês, português, geografia, história, matemática, cultura geral, etc.

Do público, ecoaram gargalhadas e sorrisos sucessivos.

Refira-se ainda que o espectáculo inseria-se no Mês Sénior e nas actividades mensais da autarquia que promovem o envelhecimento saudável e activo e a própria cultura.

O evento culminou ainda com os discursos de Silvino Gomes (Presidente da Direcção dos Arautos; agradeceu a presença do público e enalteceu a aposta que tem recaído na formação de jovens actores que inclusivamente entraram na referida peça), Alice Milheiro (Presidente da Assembleia Geral dos Arautos; felicitou o elenco dos Arautos pela boa performance em palco), Ana Cunha (Vereadora da Câmara Municipal de Ovar; frisou que esta actividade se inseria no mês Sénior e que foi igualmente uma forma de valorizar a cultura e a arte numa época tão delicada), Hélder Ferreira (membro do executivo da Junta de Freguesia de Esmoriz; garantiu que a Junta local irá continuar a apoiar o associativismo e admitiu que ficou feliz por ver o espectáculo a realizar-se num auditório que havia sido reabilitado nos últimos anos) e Carla Madureira (Presidente da Assembleia de Freguesia de Esmoriz; reforçou a ideia de que a comunidade usufrui de um teatro de qualidade e pediu à Junta de Freguesia de Esmoriz e Câmara Municipal de Ovar para que continuem a apoiar activamente estas iniciativas culturais). Trocaram-se ainda algumas lembranças.

Segue-se uma pequena galeria de imagens.


Uma aula com alunos irrequietos na Escolinha dos Arautos.
A Professora bem tentava ensinar Pedrinho (interpretado por Rafael Gomes), com uma camisola do SL Benfica e um cachecol do Futebol Clube do Porto.
O Menino Tonecas (papel representado por Manuel Marques) só chegou depois do fim da aula.
No final, o elenco foi aplaudido pelo público.