Gleen Miller Orchestra em Ovar

21 de Dezembro, 2022 0 Por A Voz de Esmoriz

Para o primeiro trimestre de 2023, Ovar continua a oferecer uma programação cultural competitiva e a promover iniciativas diferenciadoras. Com três eventos identitários a destacarem-se – Cantar os Reis, Carnaval e Quaresma – há muitos outros motivos para atrair o público, como a peça “Lar Doce Lar”, com Maria Rueff e Joaquim Monchique, o espetáculo de Bárbara Tinoco, com “As Canções que Ninguém Quis”, ou a mais famosa big band do mundo, a Gleen Miller Orchestra.

Em 2023, a tradição do “Cantar os Reis” volta a ser cumprida no concelho de Ovar e ocupa lugar de destaque nos dias 6 e 7 de janeiro, no Centro de Arte, onde Troupes Adultas e Troupes Infantis são desafiadas a reviver a tradição local, cuja qualidade e singularidade está atestada através do Registo no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial, desde 2020.

A 13 de janeiro, “Lar Doce Lar”, o espetáculo que juntou, pela primeira vez em palco, Maria Rueff e Joaquim Monchique, com um texto vibrante interpretado pelo brilhantismo cómico dos dois atores, tem paragem em Ovar.

Hélder Bruno, com “under a water sky”, faz-se acompanhar em palco, no Centro de Arte de Ovar, dia 20 de janeiro, pelo Blossom Ensemble (quinteto de cordas) e por três convidados especiais: Maria João, Quiné Teles e Maria Martins. Um concerto com personalidade estética musical única.

O Carnaval de Ovar está de regresso em 2023, com a “Vitamina da Alegria” a reinar em todo o seu esplendor. A 28 de janeiro, Marcelo D2 e a Orquestra Bamba Social são os protagonistas do espetáculo de abertura do Carnaval de Ovar 2023, que integra ainda um grande lote de ritmistas locais. Diogo Nogueira, Quim Barreiros, Tio Jel, Plutónio e Chico da Tina são alguns dos nomes que vão animar o Espaço Folião. A Grande Noite Mágica, noite de segunda, 20 de fevereiro, é um dos eventos mais esperados e que distingue o Carnaval de Ovar de todos os outros, com um programa intenso. A 19 e 21 de fevereiro, têm lugar os Grandes Corsos, na Avenida Sá Carneiro.

Encerrado o tempo do Entrudo, a 22 de fevereiro inicia-se o período da Quaresma e Páscoa Ovar 2023, com a Missa e Imposição das Cinzas na Igreja Matriz, e que em 2023 terá um Programa Religioso e Cultural trabalhado entre a Câmara Municipal e a Paróquia de S. Cristóvão de Ovar, sendo o ponto alto das celebrações religiosas a realização das habituais Procissões Quaresmais, nos dias 5, 17 e 19 de março. A 12 de março, haverá espaço para a apresentação de “Quadros Vivos de Caravaggio”, uma dramatização monumental das obras do pintor Michelangelo Merisi da Caravaggio, que é acompanhada de música sacra da época (Requiem), na Igreja Matriz de Ovar.

A 10 de março, Bárbara Tinoco traz ao palco do Centro de Arte de Ovar “As canções que ninguém quis”, num concerto especial que mostra que mesmo os mais experientes e talentosos músicos já viram as suas canções recusadas. Um espetáculo com intérpretes especiais – Diogo Piçarra e Joana Espadinha – e com a moderação de Tito Couto que promete ser um momento único e inesquecível.

Ainda em março, dia 18, o teatro volta a marcar a agenda, com “Monólogo de uma mulher chamada Maria com a sua patroa”, criação e interpretação de Sara Barros Leitão. A história das mulheres que põem o mundo a mexer, limpam o mundo, educam o mundo…, uma peça que partiu da criação do primeiro Sindicato do Serviço Doméstico em Portugal, em 1974.

Glenn Miller Orchestra, a mais famosa big band do mundo, chega a Ovar, a 24 de março, para uma hora e trinta de espetáculo no palco do Centro de Arte de Ovar. Dirigidos por Ray MacVay, os 20 talentosos músicos que compõem esta big band farão o público recuar até aos anos trinta, num concerto especial.

A encerrar o trimestre, a cantora brasileira Marie Froes traz à Escola de Artes e Ofícios um concerto intimista que integra a sua tour europeia. Ritmos brasileiros com sensibilidade e perspicácia, numa sonoridade que ultrapassa fronteiras, tornarão a noite num momento de rara beleza.

A 7ª temporada Shortcutz Ovar 2023 arranca com 10 datas até ao final do ano, na Escola de Artes e Ofícios, onde o cinema e as curtas-metragens já conquistaram o seu público em Ovar.

Apostando na aprendizagem criativa e na mediação de públicos, o programa EIXO, na sua vertente formativa, consolida a imagem positiva e dinâmica de Ovar nas diversas redes de programação cultural, com dança, teatro musical, visitas e oficinas.

Biblioteca Municipal de Ovar, Museu Júlio Dinis e Museu Escolar Oliveira Lopes terão também, durante o primeiro trimestre do ano, exposições a decorrer e com entrada gratuita, nos horários de funcionamento habitual dos equipamentos. Consulte a agenda jan/mar 2023 e fique a par de toda a programação cultural do municipal.