Grupo de Teatro Renascer leva peça “Trincheira Central” à final do CONTE

20 de Fevereiro, 2023 0 Por A Voz de Esmoriz

“Um guerra, dois lados, três soldados e uma escura e negra lembrança. O espetáculo inspirado no filme “Terra de Ninguém” apresenta a história de três soldados que ficam presos numa trincheira em circunstâncias muito particulares, numa guerra que dura há demasiado tempo. A trincheira torna-se num palco único de convergência dos três mundos dos intervenientes, sob o jugo da tensão constante e esmagadora, que põe a nu o âmago da natureza humana, e os faz indagar sobre a vida, os sonhos, o poder e as consequências que advêm das vontades impostas por um titereiro sem rosto”


É com esta sinopse da peça “Trincheira Central”, encenada por Felipe Silva, que o Grupo de Teatro Renascer vai tentar a sorte no XVIII Concurso Nacional de Teatro (CONTE), organizado pela Federação Portuguesa de Teatro. A peça será apresentada no dia 25 de Fevereiro (próximo sábado, pelas 21:45), numa finalíssima que junta anualmente as 10 melhores representações nacionais no prestigiante palco do Theatro Club da Póvoa de Lanhoso. O certame cultural decorrerá entre os dias 4 de Fevereiro e 4 de Março, estando a cerimónia de encerramento marcada para o dia 11 de Março.

O enredo apresentado pelo Grupo de Teatro Renascer relembra os horrores da guerra, onde um ciclo interminável de ódio e vingança é alimentado sob o disfarce de interesses ocultos.

À Voz de Esmoriz, João Gomes, Presidente do Grupo de Teatro Renascer, realça que já é uma honra participar em mais uma final do CONTE, argumentando que só as melhores peças alcançam esta etapa ambiciosa. Elogia ainda a qualidade dos outros grupos de teatro que também apresentarão representações cénicas de notável qualidade, acreditando que será uma competição muito intensa e que o júri terá sempre uma tarefa ingrata pela frente.

Para além do Prémio Ruy de Carvalho que distingue a Melhor Produção, também há prémios reservados para as mais diversas categorias – melhor actor (interpretação masculina), melhor actriz (interpretação feminina), sonoplastia/ambiente sonoro, guarda-roupa, melhor desenho de luz, melhor encenação, melhor cenografia, etc.

A edição deste ano do CONTE conta com uma exposição dedicada ao patrono Ruy de Carvalho – “Retratos contados de Ruy de Carvalho” e uma Tertúlia dedicada ao tema “Envelhecimento ativo”.

Além do Grupo de Teatro Renascer (de Esmoriz), também estará presente o Grupo Contacto de Ovar que, na edição do ano anterior, arrecadou o maior número de prémios, embora a produção merecedora do Prémio Ruy de Carvalho tenha sido atribuída aos Plebeus Avintenses (com a peça “Quem Espera”).