Pelé, um dos melhores de sempre, partiu…

29 de Dezembro, 2022 0 Por A Voz de Esmoriz

Edson Arantes do Nascimento, conhecido como Pelé, faleceu hoje aos 82 anos. A grande glória do futebol brasileiro e mundial não resistiu a um cancro do intestino, tendo ainda contraído COVID-19 durante o seu internamento.

Em termos de carreira, Pelé venceu três Mundiais pela selecção do Brasil (o primeiro dos quais conquistado com apenas 17 anos de idade). Em termos de clubes, o avançado brasileiro que envergava a camisola nº 10 foi a grande estrela do Santos e ainda deu uma perninha, em final de carreira, no New York Cosmos (Estados Unidos). Ao serviço do Santos, Pelé conquistou 6 campeonatos brasileiros, 10 campeonatos paulistas, 2 taças dos Libertadores e 2 supertaças intercontinentais (frente a SL Benfica e AC Milan). No clube do Peixe, participou em 1116 jogos e fez 1091 golos. Pela selecção canarinha, contabilizou 92 internacionalizações e apontou 77 golos.

Veloz, tecnicista, driblador, exímio goleador e genial na criatividade ofensiva, Pelé entusiasmou os adeptos do universo futebolístico. Era, no entender de muitos, um jogador perfeito que sabia também trabalhar em equipa.

Foi eleito o melhor jogador do século XX a par de Maradona, de acordo com a eleição promovida pela FIFA que deu muito que falar.

Pelé foi ainda embaixador de diversas causas, promovendo o lado positivo do futebol e apoiando causas sociais relacionadas com a solidariedade e a integração das camadas sociais mais vulneráveis.

Em termos de declarações já conhecidas, José Mourinho, treinador laureado a nível internacional (hoje ao serviço da AS Roma), afirmou que Pelé foi tudo no mundo do futebol e um dos responsáveis pela afirmação da modalidade, fazendo do futebol aquilo que é hoje.

Créditos da Imagem: Reedit