“Trincheira Central” volta a recordar os dramas da guerra

1 de Março, 2022 0 Por A Voz de Esmoriz

Apesar de inicialmente inspirada na trágica Guerra dos Balcãs, a peça “Trincheira Central”, encenada por Felipe Silva e representada pelo Grupo de Teatro Renascer, reconquista particular atenção por estes dias, visto que a sua mensagem retrata os horrores da guerra e os impulsos mais violentos do ser humano. E como o conflito que rebentou recentemente pela invasão russa da Ucrânia, o enredo ganha nova dimensão, sensibilizando as plateias.

Uma vez mais, João Gomes, Teresa Pinho e Filipa Rocha encarnaram nas peles de três soldados perdidos num conflito sem fim em que a morte e o pessimismo derrubam a esperança e as virtudes humanas.

Desta feita, o Grupo de Teatro Renascer teve uma digressão até Ansião, no âmbito da sessão de Fevereiro para as jornadas teatrais.

O auditório do Centro Cultural de Ansião contou com uma plateia considerável, a qual se emocionou visto que o conflito no Leste da Europa já havia sido iniciado sem que o ser humano tivesse aprendido alguma coisa com a história.

Nas declarações finais de todos os responsáveis pelo evento, valorizou-se a mensagem social da peça e apelou-se à paz na Ucrânia e no resto do mundo.


Créditos da Imagem: Município de Ansião